Placas luminosas

luzes por aí
e reflexos de indecisão
pulsam pela emergência
pela música, pela essência
é fácil de se perceber
no ritmo que o coração bate
pula, vibra, contrai
e afoga-se em um copo qualquer
luzes que navegam em olhos,
pensamentos que surgem inexatos
enquanto a rua não se cala,
não se calam as bocas e os pés
não param de pedir continuidade
não há mais,
nem além -
acaba como começa
termina como convém.


4 comentários:

  1. ontem luzes entraram em mim, foi incrível.

    ResponderExcluir
  2. Teus finais são muito acertados. Gosto muito!

    ResponderExcluir
  3. Ah, então achei quem escreveu isso!! :) http://pinterest.com/pin/317503842449421890/

    ResponderExcluir